Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Cabelos sempre longos, do jeito que Flavia gostava

- 10 de agosto de 2009
Ary, cabeleireiro de Flavia, cortando os cabelos dela em Outubro de 2008.
Flavia, na cama, com os cabelos em trança. Foto tirada hoje.

Na primeira foto está Ary, meu cabeleireiro e também de Flavia. Ary já atendia Flavia desde que ela era uma criança alegre e saudável. Depois que Flavia sofreu o acidente que a deixaria em coma vigil, logo após ela ter saído do hospital onde ficou por quase um ano, ele passou a atender Flavia em casa. Ary vem cortar o cabelo de Flavia, uma vez por ano – normalmente no mês de Outubro e no dia de sua folga no salão QG de Moema, onde ele trabalha já há muitos anos. E Ary, nunca aceitou pagamento pelo corte de cabelo de Flavia, diz que é presente pra ela. Na segunda foto, Flavia como normalmente fica na cama, com os cabelos presos. Nesta foto, os cabelos de Flavia já estão bem longos, porque já faz quase um ano que foram cortados.

O corte de cabelo de Flavia, Ary faz levemente repicado e comprido o suficiente para podermos na cama, fazer um rabo-de-cavalo ou uma trança, que deixa Flavia arrumada e confortável. Pode parecer que pessoas acamadas ficariam mais confortáveis com os cabelos curtinhos, mas a prática tem me mostrado que os cabelos um pouco mais compridos facilitam os cuidados, além de possibilitar variar o penteado.

Deixar Flavia com os cabelos compridos, - mas com um corte bem feito e bonito - é um compromisso que assumi com minha filha desde seus 8 anos de idade. Flavia gostava de seus cabelos longos e sempre que íamos ao salão de beleza, ela me pedia para não deixar o cabeleireiro cortar demais os seus cabelos. Até hoje eu e Ary respeitamos esse desejo de Flavia. E nesse grande e doloroso mistério que é o estado de coma, pode ser - é bem possível, que Flavia perceba que seus cabelos ainda são longos. E pode ser - é bem possível, que Flavia fique contente por isso.

Boa semana a todos e até o próximo post.

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

44 comentários

  1. Odele, eu venho pouco ao seu blog, mas sempre me emociono com seus relatos, resultado sempre de ações de carinho. Um beijo!

    ResponderExcluir
  2. Odele

    Lindo e emocionante post que somente uma mae amorosa, como vc, pode fazer.

    Flavia, sabe sim, acredite.


    Beijinhos nas 2 e boa semana.

    ResponderExcluir
  3. Odele: você é um exemplo, para todos nós.
    Admiro-te sempre, e em minhas orações sempre lembro de ti, de Flávia e de todos aqueles (como Ary) que possuem o AMOR como a única arma realmente poderosa e segura, nesta batalha insana e linda que é a vida.
    Vocês estão no meu coração, e ainda me fazem crer que o ser humano é, sim, essencialmente bom.

    Um grande beijo meu.
    Fiquem com Deus.
    ;)

    ResponderExcluir
  4. "Até hoje eu e Ary respeitamos esse desejo de Flavia. E nesse grande e doloroso mistério que é o estado de coma, pode ser - é bem possível, que Flavia perceba que seus cabelos ainda são longos. E pode ser - é bem possível, que Flavia fique contente por isso."
    ...........
    Pode ser meu doce e ao contemplar as fotos ao mais pequeno pomenor, a renda da almofada, o elástico no cabelo, a cama limpinha, tudo impecalmente e bem confortável e texto, senti novamente um cheirinho perfumado e gostoso, o que me acontece sempre quando leio algo que me comove e enternece.

    Um grande, mas grande abraço a Ary, por ser teu/vosso amigo e são pessoas como ele que este mundo precisa!

    Beijos para ti e muitos para a tua/nossa menina

    ResponderExcluir
  5. Pois e Odele ...
    quem sabe Flávia não sente ... e sabe que estás mantendo a vontade dela ...
    um abraço ao vosso cabeleireiro que todos os anos dá essa prenda a Flávia ... tal atitude só demostra que seu coração é grande ...

    adorei este post amiga ... está lindo ...
    parabéns por ele.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Impressiona o modo como você respeita as vontades da Flávia e os motivos para isso! Eu fico perplexa com a sua capacidade de doação, amor e carinho. Força, sempre! bjs

    ResponderExcluir
  7. Odele, querida
    Não comento, mas estou sempre por aqui.
    Vc é realmente uma alma caridosa e Flávia sabe muito bem disso.
    Que Jesus ilumine o caminho de vcs.
    Um abraço no seu coração.

    ResponderExcluir
  8. Odele

    Seu compromisso com flávia é algo transcendente a simples humanidade terrena. Com certeza Flávia sente todo esse amor e é esse amor que a mantém viva.

    beijos

    Rose

    ResponderExcluir
  9. ohhh me emocionaste amiga querida!!! Ary é um tesouro!!!
    Emocionaste-me, porque desde que perdi meu trabalho, meu cabeleireiro se enoja se não vou cada tanto, não me cobra um peso...é desses amigos que uma não quer perder por nada na vida!!!
    Aí está minha menina bela, cuidada e mimada...grandes abraços Odele!!!

    ResponderExcluir
  10. Olá! Flavia com seus belos cabelos compridos, ela está feliz por ter certeza que ele.

    ODELO cada postagem que você me faz escrever um nódulo na garganta e, ao mesmo tempo feliz para o enorme e você tem esse grande amor com Flavia incomparável.

    Nós amamos você e enviar-lhe um beijo cari cereja para Flavian.

    ResponderExcluir
  11. É amiga...

    Pessoas como vc fazem a diferença(como o Ary tb!)Adoro ver a Flávia arrumadinha assim...Vc é um exemplo viu?Um exemplo de muito amor!Aproveito para te convidar a aparecer no meu Avesso(ele cresceu!rs...).Venha se juntar a nós e quem sabe Flávia possa gostar dele tb?Aguardo vcs!

    Beijão

    Maria

    ResponderExcluir
  12. Já disse, por várias vezes, que a Flavia vive num ninho de amor.
    Este post tão bonito (mais um) acrescenta mais um dado que comprova a justeza dessa afirmação.
    O Ary (nome de um poeta grande da nossa língua) faz parte dessa cadeia de amor que circunda a nossa querida Princesa. É tocante saber que o cabeleireiro não cobra pelo corte do cabelo da Flavia, considerando que isso é uma prenda que lhe oferece.Só pode ser um homem bom e sensível.
    E este post em que nos desvendas mais uma das rotinas da vida da tua filha, é mais um exemplo do modo desvelado, terno e ao mesmo tempo respeitoso como tratas a Flavia.
    E podes crer que, qualquer que seja o modo como essa sensação lhe chega, a Flavia saberá que continuas a satisfazer o seu desejo de manter os seus lindos cabelos compridos como ela gostava. E como sempre eu próprio gostei de ver essses longos cabelos.
    Um beijo terno e emocionado para a Flavia e para ti.

    ResponderExcluir
  13. Odele,

    Sou novata aqui como blogueira e meu blog fala especialmente da FELICIDADE do AMOR.
    Encontrar seu blog foi para mim mais uma motivação de entender que a felicidade está no amor e dedicação que sentimos pelas pessoas.

    Fico emocionada com o amor e cuidado que vc tem com sua querida Flávia. Tenha certeza que ela com certeza sente todo esse amor.
    Parabéns, pela mãe maravilhosa que vc é.

    Estarei sempre por aqui, trazendo meu amor, e minha energia positiva.

    Beijossssssssss
    Lua

    ResponderExcluir
  14. Querida , passei para deixar um beijo.
    Lindo cabelo da Flavia, e lindo teu gesto em presevar o gosto dela, mesmo que o trabalho seja redobrado.
    Bjs no coração ( nas duas guerreiras)

    ResponderExcluir
  15. Odele querida, tem um tempao que nao passava aqui. Fico impressionada com o seu carinho, sua coragem.
    Um beijo grande pra vc e pra Flavia.

    ResponderExcluir
  16. Minha querida amiga,
    também acho provável que Flavinha se aperceba dos seus cabelos longos e se sinta feliz.

    A cada dia que passa melhor a conheço e mais e mais a admiro, você Odele é uma MULHER FANTÁSTICA!

    Beijinhos para si e Flavinha,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  17. Bem emocionante!
    Que linda esta atitude, aparentemente simples! Que amor o Ary!
    Esta atitude é muito importante para Flávia, afinal ela pode sim ter algum nível de consciencia a ponto de compreender o que estão fazendo por ela... como podemos saber? Não temos o alcance de tudo que acontece com a espiritualidade.
    E por não sabermos, porque não pensar da forma mais positiva possível com relação a isso?!
    Beijos no coração!

    ResponderExcluir
  18. Quem tem um amigo tem um tesouro.Um beijo pra vc,Flavia e cumprimentos ao Ary.

    ResponderExcluir
  19. Odele, se a gente que só te 'lê'sente todo este carinho, amor, dedicação e tudo o mais, imagina se a Flavinha não vai sentir, mesmo no estado em que está.
    Um abraço no Ary, ele merece.
    (Tenho o mesmo cabeleireiro há quase 24 anos).
    Bjim pra ti e pra Flavinha.

    ResponderExcluir
  20. Vim cá deixar um beijo à mãe e outro á filha cariciando os seus belos cabelos.

    Beijinhos

    Verdinha

    ResponderExcluir
  21. Odele,
    Como o cabelo de Flávia deve ser bonito! Adoro cabelo comprido fiz a bobagem de cortar ano passado no ombro e está custando a crescer!
    Muito bonito teu post Odele... Com certeza Flavia sabe sim :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Querida Odele, tal como pensa o Peciscas, tenho a forte impressão que, mesmo alheia, Flávia percebe o teu amor. Teus gestos simples são tudo o que ela precisa.
    Um carinho especial para as duas.

    ResponderExcluir
  23. Odele, seu post foi tocante e me deixou com lágrimas nos olhos. Sem mais palavras. Dê um gosto beijo no Ary. Para você e a Flavinha as beijocas de sempre.

    ResponderExcluir
  24. Odele,um bj para ti e outro p Flávia.
    Fizeste bem em tirar as fotos.Gostei de ver os cabelos tratados de tua filha!Deus vos abençoe:)

    ResponderExcluir
  25. olá, meu olhos ficaram marejados de água, (o q acontece com qse todos os seus post), com o seu relato! que Deus as abençoe!
    Abraços

    ResponderExcluir
  26. Odele querida, fiquei muito emocionada com o seu texto, senti tanto amor, cuidado, carinho. Você é especial, assim como Flávia. Beijos.

    ResponderExcluir
  27. Odele, também acho que cabelo grande dá menos trabalho na hora de manter alinhado. O corte curto, em geral, as pessoas acordam com o cabelo torto (rs*) hehehehe amassado, né?
    A Flávia sente muito orgulho de sua mãe!! :) Beijus

    ResponderExcluir
  28. odele,
    carinho de mãe é fundamental, não?
    tenho certeza que sua flávia recebe esse seu gesto com gosto, orgulho e amor.
    e acho que é nesses pequenos carinhos do dia-a-dia q vc retira suas forças pra enfrentar suas batalhas.
    parabéns pela clareza e determinação de sempre!
    força tb, e doçura
    bjs,
    ana b.

    ResponderExcluir
  29. Odele, ser mãe é ter a força de Deus, continue assim, filho sente esse amor.....a proposito vc tem o tel do Dr. Fernando Arita, meu email sanva_valeria@hotmail.com... obrigada e um beijo no coração de voces.

    ResponderExcluir
  30. Odele querida, isto se resume no AMOR, amor que sempre fala mais alto!
    Doces beijos ...
    Eliana.
    Mogi Guaçu/SP.

    ResponderExcluir
  31. Querida Odele, que ternura de entrada,.......... pero sabes??,........... tengo la intuición de que Flavia percibe con alegría y mucha paz cada suceso de sus días.
    Le pones tanto AMOR a lo que se relacione con ella.
    Eres admirable amiga,..........les dejo un beso.
    Vivi.

    ResponderExcluir
  32. Odele, tenho plena certeza de que ela nao só sabe como sente. Outro dia, eu li numa sala de aeroporto, uma revista alema em que uma moca que ficou em coma, e votlou, disse tudo o que aconteceu e fizeram com ela, durante o coma.
    Eu concordo que ela sente.
    O estado de coma vigil é ume stado interrmediário..algo como se a pessoa estivesse dormindo...
    bjs e dias felizes

    nao é à toa que vc é a minha ídola.

    ResponderExcluir
  33. Odele, minha amiga guerreira, com certeza ela sente não só a parte estética que ela queria, mas o carinho incondicional da mãe. Isso é tudo...

    Um beijão à você e a nossa Flávia...

    ResponderExcluir
  34. Odele, venho pouco aqui, me emcociono demais e sofro demais com a injustiça do caso da Flávia. Não há palavras que possam lhe consolar e não imagino um décimo sequer do que seja a sua luta. Mas continua firme, um dia a justiça divina atuará. Deus a abençoe! E à Flávia.

    ResponderExcluir
  35. Oi Odele

    fiquei emocionada
    foi a primeira vez que entrei neste blog
    coloquei ate no meu orkut essa historia
    que menina linda é a flavia
    e vc mãe
    que mulher guerreira
    que deus contine te dando muitas forças
    vou pedir muito para nosssa mãe rainha ajudar a flavia

    fika com deus

    ResponderExcluir
  36. Olá Odele,muitos parabens pelo seu blog,e pela grande fé que tens!
    Pode não ser relacionado com o tema deste blog, mas existe um site onde você pode divulgar a sua luta para o mundo, e incentivar outras pessoas a seguir seus passos e não desistir!Este site também dá prêmio ao melhor blog, e eu ficaria feliz se vocês ganhassem!
    Um grande abraço!
    BETO

    ResponderExcluir
  37. esqueci, a URL é esta.... www.bestblogsla.com !
    Obrigado denovo

    ResponderExcluir
  38. Me emociono cada vez q passo aqui tenho uma filha q nao anda e vive numa cadeira de rodas cada vez q leio as coisas q vc escreve a sua luta a sua garra meus problemas se tornam pequenos, obrifgado a vc e a Flavinha q nos dao forças para seguir adiante, amiga sua luta e nossa luta pq nos comove nos faz pensar na vida e nas coisas q nos acontece. Vcs sao pessoas especiais sao duias estelinhas aqui na terra para iluminar o caminho de muitas pessoas q sofrem,sua luta nao pode ficar parada dentro de vc , vc transformou a dor em vitorias a dor em um grito de socorro por muitas outras maes q tb sofrem mas nao conseguem transpor essa dor, sei como eu, como vc, como mais de tantas outras crianças q veem ao muindo para ensinar algo mesmo qdo estao no silencio, Flavia nao fala mas no silencio responde a todos os coraçoes q sofrem, nada pode pedir mas tudo dar as pessoas q a conhecem principalmente o amor pela vida, pelos filhos, pela familia, cada um na sua dor mas juntas de maos dadas, como diria janaina q ja se foi mas deixou sua mmsg de paz e esperança qdo as maos se juntam a dor diminui, pode contar amiga comigo e com minhas oraçoes, a fé amiga remove montanhas a justila dos homens pode ate nao ser tao precisa mas as maos de Deus qdo apontam nao erram nunca, fica com Deus amiga, Favinha estrelinha linda receba meu carinho e um beijo no coraçao sua luta aqui na terra nao será nunca em vao e ainda se for da vontade de nosso senhor iremos ter a felicidade de lhe ver acorda eu creio q para DEus tudo eh possivel,dorme linda o soninho da bela adormecida e sonha linda com os mais belos anjos do céu.força , coragem e nao esqueça qdo as maos se entrelaçam a dor diminui.

    ResponderExcluir
  39. Eu optaria pelo corte curto para cuidar de alguém acamado...

    Mas pelo tempo entre um corte e outro não fica muito grande?

    Fiquem com Deus, menina Flávia e menina Odele.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  40. Odele
    mais uma vez saio com os olhos humidos e pedindo a Deus que continue a te dar essa força toda.

    Fiquem com Deus

    BF

    ResponderExcluir
  41. Sem palavras, Odele! Todo o meu respeito por vocês. A minha Amizade. Solidariedade. Muitos beijos.

    ResponderExcluir
  42. Odele, li hoje sua história. Mulher, você é porreta demais e a felicidade está ao seu alcance, sim, está em Flavinha. Você é muito forte e muito abençoada também. Continue acreditando porque para Deus tudo é possível. Eu só gostaria de te dar uma sugestão: o nome do blog para flavia viva.glogspot.com, porque aí todo pensamento vai para vida e isso é bom. Desejo que você seja feliz.
    Um abraço carinhoso
    Silvia

    ResponderExcluir
  43. Boa noite Odele...Bem desde sábado quando conheci apenas um pedacinho da sua história,eu quis visitar o seu blog(revista época),não por curiosidade nem por sensacionalismo,apenas gostaría de escrever algumas palavras...De alguma maneira a história da Flavia mexeu comigo!De alguma maneira as "dores "se identificam de alguma forma.Depois que eu perdi meu Pai de uma maneira muito súbita(aos 17anos),eu aprendí que :"Não se pode ter tudo na vida","Que somos fortes o suficiente pra carregarmos todos os nossos sofrimentos pessoais","Que nos tornamos fortes para o mundo e choramos escondido as vezes".De alguma maneira acredito que a Flavia sabe de toda a dedicação que a família tem com ela,de todo amor que lhe é dirigido todos os dias...Se não recebesse tanto amor,acredito que ela já tería partido...Nunca desista de lutar por ela,por voce e pela vida.Nada é por acaso e ela não está aí apenas por estar...Ela sente todo amor,só não pode retribuir como gostaría...Não a conheço mas gostaría que voce falasse pra ela que esta noite uma pessoa qualquer escreveu e lhe mandou um beijo e um abraço.Talvez essa mensagem seja apenas mais uma entre tantas,mas é muito sincera.Talvez voce nem diga nada pra ela,mas não faz mal...Essa noite antes de dormir,vou pedir muita luz pra voces duas...Muito amor pra voce,Odele...Continue lutando sempre.Um bjo em seu coração...e todos os anjos protejam sua Flávia!

    ResponderExcluir
  44. Odele, nem tenho na verdade o que comentar, faz 5hrs e 20 minutos que estou diante da tela lendo seu blog e fiquei completamente "muda"... Só o que consigo é enviar a vc um abraço de mãe, filha e amiga... Deus do céu, é tnata informação que minha cabeça gira e meu coração já acelerado de natureza, quase explode pra fora do corpo. Sem mais,
    Não por naum ter o que dizer, mas por naum ter como fazer isso.
    Um Beijo

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails