Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Higiene bucal em pessoas que estão em coma

- 29 de junho de 2009
Uma boa higiene bucal é da maior importância em pessoas que estão em coma. Na primeira foto, está o material que uso (não necessariamente ao mesmo tempo) para escovar e higienizar os dentes e a boca de Flavia.

1. Escova dental comum (a técnica de enfermagem prefere)
2. Escova dental especial (da marca Científica – Eu prefiro.)
3. Escova dental elétrica (para usar em dias alternados)
4. Pasta dental (usada em quantidade mínima)
5. Fio Dental (usado em dias alternados)
6. Escova Bitufo. (excelente para limpar os dentes um a um)
7. Cepacol sabor Tutti Frutti (ou qualquer outro enxaguatório bucal)
8. Espátula envolta em gaze (para dar o acabamento final)

Parece exagero? Mas como eu já disse, não uso tudo isto ao mesmo tempo, mas tenho sempre este material ao lado da cama hospitalar de Flavia e vou alternando seu uso. A escovação de seus dentes é feito duas vezes ao dia. Pela manhã e à noite. É preciso higienizar dentes e boca, com todo o cuidado e atenção. (e com delicadeza também) Aos 21 anos – 11 dos quais em coma vigil, Flavia nunca teve uma cárie sequer. Isto é mérito dos cuidados que ela recebe, mérito este que divido com Masé, a competente técnica de enfermagem que há quase seis anos me ajuda nos cuidados com Flavia. Além disso, a cada seis meses, Flavia recebe aqui em casa a visita da dentista.

Escovar os dentes de Flavia não é tarefa fácil. Ela, por causa sua condição, não responde aos comandos verbais, portanto, não adianta dizer para ela ficar com a boca aberta. Não se pode colocar água em sua boca porque como já disse, uma das seqüelas do acidente foi uma severa disfagia, que é a incapacidade de engolir qualquer coisa, nem mesmo água Flavia consegue engolir. Por isso, a escovação dos dentes e a higiene da boca de Flavia são feitas com a escova umedecida e um mínimo de pasta dental. Depois, “enxágua-se” com uma gaze umedecida e depois em Cepacol diluído em água.

A higiene bucal de uma pessoa em coma deve ser levada muito a sério. Imagine se uma pessoa nessas condições adquirir cáries. O tratamento terá que ser feito em hospital e com sedação. Com cuidados diários e atenção constante, é possível evitar as cáries e deixar a pessoa com a boca e os dentes bem higienizados.


Sem outra intenção que não seja passar informações que possam ser úteis a outras pessoas, coloco aqui a foto da escova científica da qual falo. É bem interessante esta escova pois as cerdas das escovas comuns são substituidas por hastilhas que não têm emendas e são bem macias. Para saber mais sobre esta escova clic no link ESCOVA CIENTÍFICA.

Boa semana a todos e até o próximo post.

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

30 comentários

  1. Informações bastantes úteis que partilhas neste post.

    Gostei de saber sobre a "escova cientifica" já que perante uma quantidade enorme de escovas nunca sei bem qual a melhor e mais eficaz.

    Obrigado e foi muito bom vir até aqui!

    Beijos para ti e para a tua/nossa Flavia

    ResponderExcluir
  2. São muito úteis os conselhos que nos dás. Obrigada. Muitos beijos para vós.

    ResponderExcluir
  3. Este é mais um post muito importante.
    Pois aqui revelas, pormenorizadamente, mais uma faceta do modo desvelado e insuperavelmente competente como cuidas da Flavia.
    Mesmo nós, os amigos que mais de perto têm acompanhado a história da tua filha, por vezes não temos a noção completa do que é preciso fazer no caso específico da nossa Princesa.
    Com efeito, se para qualquer um de nós é essencial cuidar da higiene bucal, para uma pessoa como a Flavia que, como dizes, não responde a estímulos verbais e não pode usar água corrente,há que ter cuidados especiais.
    E tu (com a colaboração da Masé e os técnicos de saúde) conseguem a notável proeza de evitar danos na saúde dentária da Flavia.
    Tudo o que dizes é mais uma lição para nós. É mais uma revelação daquilo que o amor consegue. O amor também consegue, afinal, que nos tornemos mais competentes, atentos e rigorosos..

    ResponderExcluir
  4. Cara Odele,
    Fui lá no Oficina da Palavra, que vc. indicou. É realmente um exemplo impressionante, que recomendo a todo mundo.
    Achei este post importante, e fiquei pensando: vc. já pensou em reunir essas informações e outras mais, sobre cuidados (e que cuidados desvelados vc. tem?) com pacientes em coma prolongada, ou em estados que exijam muito cuidados, e publicá-los em um livro? Isto auxiliaria muitas pessoas que passam por situações próximas à sua, seria uma imensa ajuda. Pense com carinho na sugestão. Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Adorei o texto e as fotografias.
    Um autentico manual informativo e didáctico que mostra e ensina como tratar de saude oral de uma criança, agora jovem em coma Vigil.
    Sei que é um dos orgulhos de Odele que Flavia com os cuidados desta mãe extremosa nunca teve uma carie.
    Estamos sem dúvida aprendendo directamente de uma especialista.
    Perante este texto informativo pensei:- Se o manual de utilização e instalação dos motores para as piscinas, comercializado/fabricado pela JACUZZI,tivesse a mesma minuncia que este texto de Odele, certamente ela não saberia nada sobre estes cuidados orais e Flavia estaria vivendo uma vida feliz como as outras crianças agora jovens adultas das sua idade.
    Faz doer o coração......

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Eu fiquei impressionada com o seu post porque eu jamais pensaria nisso. São tantos os cuidados que sequer tinha pensado nos dentes. Acho que quando a gente não vive esta realidade tudo parece muito distante, temos poucas informações. eu sempre te leio, nem sempre comento, mas vc sabe que estou rezando por vocês. bjs

    ResponderExcluir
  7. Querida Odele...
    Voce é uma mulher admirável...adorei esse post..principalmente em relação aos pormenores dad higienização com os dentinhos da Flávia...e o mais lindo é que a gente percebe o amor em cada detalhe....
    fiquem com Deus
    bjs pra vcs e pra Mazé tb

    ResponderExcluir
  8. olá, odele como está?
    passei para deixar um abraço, para ti e flavia

    ResponderExcluir
  9. ♥ Oi meus tesouros, como estão minhas rainhas!!! ♥
    Excelente Odele, é uma classe magistral de como cuidar a boquita de nossa Flavia!!!
    ♥ Abrazos y besitos enormes para las dos!!! ♥

    ResponderExcluir
  10. Obrigada Odele pela ajuda ao João Pedro.
    Bjinhos grandes para você e Flávia, RS.

    ResponderExcluir
  11. Odele

    Para além da informação útil que nos proporcionas está uma mãe atenta e informada, uma militante do amor maternal, da prevenção dos perigos que espreitam as nossas crianças e das dificuldades de abrir caminho perante interesses instalados.
    Um dia o sol há-de nascer, Odele. Eu acredito.


    Abraço

    ResponderExcluir
  12. Odele!
    muito importante as informações que trazes!
    A gente não tem muita noção do que realmente é essa situação; e na verdade existem estes pequenos-grandes detalhes!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  13. Odele!
    Sou a Letícia, tua amiga recente!

    ResponderExcluir
  14. Deixo aqui um beijinho para ti Odele e para a Flávia.
    Posso adicionar-te ao meu blog?
    Força amiga!

    ResponderExcluir
  15. Odele, que alegria tu visita a mi blog, gracias y no sabes cuanta ilusión me ha causado encontrarte, os mando un beso muy grande y todo mi cariño, junto con mis mejores deseos, no me olvido de vosotras aunque a veces tarde un poquito.

    ResponderExcluir
  16. Olá Odele!

    A blogagem da Aldeia da Minha Vida foi um grande sucesso, graças à sua participação e divulgação.

    Convido-o(a) a participar na próxima blogagem de Julho “ Férias na Minha Terra”.

    É uma oportunidade única para demonstrar a todos que vale a pena passar férias no nosso país, especialmente na nossa querida terra, seja ela aldeia, vila ou cidade.

    Inscreva-se e mande o seu texto até 7 de Julho para o seguinte e-mail: aminhaldeia@sapo.pt

    Para premiar a sua participação, vamos atribuir ao melhor post um fantástico prémio e ao melhor comentário também.

    Muito obrigado pela sua atenção!

    Votos de um feliz dia!

    Susana Falhas

    ResponderExcluir
  17. Grace Olsson02 julho, 2009

    Odele, aqui, semana passada, quando eu fui fazer umas fotos de um cliente, eu vi escovas diferentes dessas e que sao usadas no pai da cliente que está em coma.
    Eu lembrei de Flavia e até falei sobre ela com a cliente. nao fotografei as tais esxcova por que nao fui contratada para fazer isso e tbm naop posso mostrar as fotos do pai da cliente, por causa do direito de imagem, mas caso vc queira, eu compro algumas e te mando.
    Beijos e seu blog ´+e informativo.
    bjs e dias felizes apra as duas.

    ResponderExcluir
  18. Cara Odele,

    Sua luta é louvável! Não desista, por mais que lhe pareça conveniente...

    Certa vez, quando procurava informações sobre o coma para o livro que vinha escrevendo, conheci a história de Flávia. Me sensibilizei com os seus relatos enquanto tomava conhecimento do que queria escrever.

    Hoje, depois da obra concluída e vencedora do mês de abril como livro mais visto, vim aqui agradecer-lhe! O meu livro não conta a história de Flávia, mas faz referência ao coma vivenciado por ela. Ester, como se chama o livro e a personagem, recobra a consciência depois de anos em coma; é o meu desejo para Flávia.

    O livro foi publicado e em breve quero lhe visitar pessoalmente para lhe entregar um exemplar. Espero poder fazê-lo.

    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  19. A higiene é, e foi sempre, um bem essencial na preservação de um bem-estar natural.

    Pretende na sua essência evitar que a saúde seja afectada por imensos micro ou macro micróbiozitos que podem dar cabo das nossas defesa pessoais.

    Mas o que se trata aqui, no meu ponto de vista, é mais uma prova de Amor que a Odele demonstra. Um preenchimento a mais daquilo que se pode dar aos outros.
    Ultrapassar toda uma angústia que pesa, num simples tratamento bocal.
    Por isso, vejo neste post, mais uma demonstração que nas coisas mais simples no dia-a-dia de cada um de nós, tudo pode fazer a diferença para encarar todas as horas seguintes.
    Como uma vez já disse, não me importava nada de trocar o tratamento, Odele.
    Mas quem sou eu para decidir a vida e o terminal…
    É uma cruz que estarei sempre disposto a partilhar.

    ResponderExcluir
  20. Odele
    Só quem tem muito amor no coração é capaz de tanto zêlo. Você é uma Mãe MARAVILHOSA!
    Deus abençoe seus dias com toda força necessária.
    Abracinhos em vc, Flavia e Masé.
    Sueli, Sueny e Bruna

    ResponderExcluir
  21. OI Odete muito obrigado por ter me visitado amei seu recado.
    Gostei desse post sobre higiene bucal, bom saber, nunca sabemos o que está reservado para nós, i este artigo é de muita importãnica.
    Bom fim de semana
    bjs
    Elaine

    ResponderExcluir
  22. Odele, conheci seu blog no Desabafo de Mãe... Achei a sua história muito triste, mas também muito bela a sua forma de compartilhar, de lutar pela vida da sua filha e para que o mesmo não ocorra com outras pessoas. Cuidei do meu pai quando ele estava acamado e sempre olhava para os seus olhos pensando se ele me ouvia, me sentia e hoje acredito que sim, que em seu coração estava guardado todo o amor que eu lhe oferecia. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  23. Odete, taí uma coisa que não tinha pensado antes, aliás a gente acaba não pensando nas tarefas básicas de higiene e deve ser bastante trabalhoso, junto porque não tem como bochechar, não é mesmo?
    Você conhece os equipamentos "Water Pik" de higiene oral? Será que não tem algum que facilitaria o dia a dia de vocês? Sei que no Brasil já existem representantes com pontos de vendas.
    Bom fim de semana! Beijus

    ResponderExcluir
  24. Verdade é que para nós que nunca passámos por essas necessidades, muitas vezes nem nos apercebemos dos cuidados devidos.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  25. como já o disseram alguns comentadores, muito importante e informativo este post, que para além de nos explicar como se faz a higiene bucal de uma pessoa nestas condições, ajuda-nos a perceber alguns factores que se a Odele não falasse, nem sequer nos lembraríamos.

    Beijinhos para vocês,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  26. Agradeço muitíssimo esse post,pois meu trabalho é mais com pessoas carentes e não temos formação em saúde bucal,não desfazendo o pessoal da área que é muito bom.As vezes podemos nos deparar com casos de pessoas acamadas,que dependem de familiares para suas atividades básicas e é bom saber dessas instruções para repassar a eles.Obrigada e beijos nas duas.

    ResponderExcluir
  27. Sabe para que estou passando aqui?
    Para te dizer que não esqueço
    de você e te desejar uma noite de
    Domingo na presença de Deus!
    E uma semana de paz.
    Que a Paz eteja contigo.
    Beijos ,Evanir
    www.fonte-amor.zip.net

    ResponderExcluir
  28. Como dentista tenho que te parabenizar por esses cuidados com a sua filha!!! A maioria dos familiares de pessoas acamadas nao tem todo esse cuidado e acabam complicando bastante sua situação bucal. E parabens pela iniciativa de passar seus conhecimentos às pessoas. Desta forma com certeza tem ajudado muitos!

    ResponderExcluir
  29. Amada que Deus na sua infinita bondade esteja lhe dando força, sabedoria,saúde e fé sim ela com certeza remove montanhas e nos faz ir muito longe.Flávia é muito abençoada por ter você como mãe e você muito amada por ter Flavia como filha. Assim como você tenho uma linda princesa (não com essa limitação) mais eternas princesas em nossos contos de fadas.Sei que muitas vezes precisamos e temos que chorar mais que suas lágrimas sejam sempre de "obrigada meu Deus por mais um dia com minha filha",tristezas frustrações isso faz parte da vida mais fé e amor e a essência da nossa existência.Flavia tenha uma linda noite de sonho e lembrese você é a maior entre as princesas.(essa você gostou né Flavia eu sempre digo isso a minha princesa também).Odele na reportagem você não fala muito sobre seu filho mais velho como ele lida com tudo isso? tem sua força?. Que Deus as abençoem e tenham uma boa noite. bjos Cátia de Lima.

    ResponderExcluir
  30. Obrigada por seus comentários. Você ajuda muitas outras pessoas com situações semelhantes. Obrigada!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails