Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Ralos de piscinas continuam matando. E cadê a justiça?!

- 11 de dezembro de 2008
Para quem não teve oportunidade de ver o programa DOMINGO ESPETACULAR da TV Record, no dia 07.12.2008, com minha participação, aqui está o vídeo já colocado no YOU TUBE e gentilmente dispobilizado pelo blog Brasil Contra a Pedofilia.

Talvez vocês considerem o vídeo um pouco longo, - 9:30 minutos,- mas vale a pena ver esta excelente reportagem feita pelo repórter Raul Dias Filho, onde são mostrados, além do caso de Flavia que ficou em coma irreversível, outros casos de acidentes fatais com ralos de piscinas. De um menino o ralo sugou o rosto, de outro o braço, de Flavia, os cabelos.....

Veja o vídeo, e se puder, divulgue-o. Com isto você estará colaborando para alertar contra o perigo desses ralos sugadores, além de me dar forças nesta luta de mais de 10 anos contra a NEGLIGÊNCIA e a IMPUNIDADE.

O julgamento do processo de Flavia lá em Brasília, está se aproximando. Por isso é importante relembrar:
No caso do acidente com Flavia, quem conhece este blog sabe que movo - há mais de 10 anos - um processo contra o Condominio Jardim da Juriti, onde morávamos e contra o fabricante do ralo Jacuzzi do Brasil. Ambos os réus, alegam que não têm culpa pelo acidente e que a culpada sou eu, e me chamam de mãe relapsa por não estar cuidando de minha filha na piscina.

Já repeti aqui inúmeras vezes que Flavia não estava sozinha na piscina mas acompanhada do irmão de 14 anos e mais dois adolescentes de 15 anos. Este vídeo mostra que os meninos Leonardo e Gabriel, estavam rodeados de pessoas quando tiveram partes de seus corpos sugados pela forte sucção do ralo, o que prova que esses acidentes podem acontecer nessas condições e em fração de segundos. Mas como digo no vídeo, não é preciso entrar em pânico. As piscinas que oferecem perigo para seus usuários são aquelas cujos sistemas de sucção estão funcionando de forma irregular. E é por isso que a FISCALIZAÇÃO é necessária e URGENTE.

É lamentável que pessoas e empresas responsáveis por esses equipamentos, para fugirem à culpa que certamente têm nos acidentes com ralos de piscinas, culpem os pais das vítimas como culpam a mim pelo acidente ocorrido com Flavia. E mais lamentável ainda é ver uma justiça lenta, quase omissa, que não os obriga a pagar imediatamente por suas negligências. A falta de atuação imediata e firme da justiça, certamente estimula as negligências com os sistemas de sucção das piscinas, que infelizmente continuam e continuarão a fazer vítimas.

Até o próximo post.

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

37 comentários

  1. :-(
    Estou sem palavras.
    :-(
    volto amanhã.

    Bjs Odele e Flavia

    ResponderExcluir
  2. Odele

    Quanto sofrimento seria evitado, se as pessoas fossem mais responsaveis, corta o coracao, ver o casal, pais do menino.

    E vc ai, minha amiga, cuidando de sua filhinha.

    Beijinho para vc e Flavinha.

    ResponderExcluir
  3. Boa amiga Odele,

    Como nos falamos, assisti a reportagem em tempo real. A expressão de dor dos pais da criança é de cortar o coração. Eles nem sabem que poderão apenas figurar numa triste estatística.

    Fico a imaginar a revolta que estes casos devem te causar. Penso que, acontecidos os primeiros, tivesse a empresa fabricante se preocupado em instalar sistemas mais seguros, muitos acidentes teriam sido evitados. A morosidade da justiça, diretamente, também é bastante responsável por estas vidas sugadas e que se esvaem nos ralos.

    Boa amiga, se de tudo que aconteceu com Flavinha e com estas e outras crianças, através de sentença judicial a Jacuzzi seja obrigada a não só indenizar essas vidas, mas e principalmente prevenir que outros acidentes aconteçam, creio que tua luta não terá sido em vão.

    Grande abraço.
    Que Deus ilumine os nossos juizes.

    ResponderExcluir
  4. Querida Odele.
    Moro em Passo Fundo, e aqui a Record não tem retransmissão. Mas pedi para o meu pai gravar a matéria, e amanhã estou indo para a casa deles assistir.
    Nem vou tentar baixar o vídeo porque meu PC é lento e está com as caixas de som estragadas.
    Mas assistirei, certamente com o coração na mão.
    Espero que esta matéria ajude a alertar as pessoas dos perigos destes ralos sem fiscalização, e ao menos exponha a falta de respeito e de sensibilidade dos responsáveis por esta baderna.
    Estou com você e não abro.
    Sempre.

    Um beijo enorme e doce no seu coração, e outro ainda maior e mais açucarado na Flavinha.
    :)

    ResponderExcluir
  5. Como dói e nós que assistimos nada podemos fazer até mesmo contra A JUSTIÇA QUE DEVERIA OLHAR PARA ESTES CASOS COM MAIS HUMANIDADE E NÃO DEIXAR IMPUNES OS CRIMINOSOS.

    Já publiquei porque nunca é demais alertar!

    Um beijo grande para vocês

    ResponderExcluir
  6. É demais! Impunidade não é possível. Não sei mais que dizer. Estou solidária. Muitos beijos.

    ResponderExcluir
  7. meus tesouros, estamos olhando o video com Carla...se me pôs a pele de galinha e à véz poder ver a Flavia me enche de muitíssima emoção!!!...ohhh minha amiga como pode ser que não tomem consciência dos que pode suceder-lhe aos meninos???...cúantos terão que morrer...ou como no caso de nosso angelito ficar em coma ou com seqüelas!!!...meus beijinhos, meus abraços e sempre estarão em meu coração em minha mente...além de ser parte de nossa família, porque aqui todos conhecem a Odele e a Flavia!!!

    ResponderExcluir
  8. Me quedé impresionada por tanta negligencia, se está jugando con vidas humanas, que irresponsabilidad!!!,....es que son muchos los casos.
    Valiente Odele, por tu importante testimonio.
    Mil gracias amiga por escuchar el pedido de los padres de Anita y agregarlo en tu blog.
    Mil besos para ti y tu ángel FLAVIA.
    Viviana

    ResponderExcluir
  9. eram precisas mais reportagens como esta, era preciso que a televisao desse mais importancia a estes casos e menos aos casos banais que andam por ai. vou divulgar o video sim, depois venho aqui avisar quando o fizer.

    ResponderExcluir
  10. Começo por realçar a excelente qualidade da reportagem. O trabalho jornalístico está exemplar. O repórter não se aproveitou do dramatismo das situações para fazer um trabalho sensacionalista que poderia mesmo ser mórbido. Foi rigoroso e correcto, denunciando a incúria que está por trás destes absurdos acidentes. E recolheu depoimentos importantes dos quais destacaria o do chefe dos bombeiros que sabe do que fala.
    Foi com particular emoção que vi as imagens da Flavia, no seu quarto, acariciada pelas tuas mãos. Essas imagens, tomadas com muita delicadeza e descrição, tornam a nossa menina mais presente junto de nós.
    Particularmente tocantes, essas breves imagens de um filme que mostram a Flavia antes do acidente. Depois de as ver, cresce ainda mais a nossa indignação pelo absurdo do acidente e pela quase impunidade com que os responsáveis têm contado.
    É por tudo isto e por tudo o mais, que temos de exigir . cada vez mais fortemente que a Justiça seja feita feita .

    ResponderExcluir
  11. Imagens tocantes ...
    Odele, meu esposo e meus pais assistiram no dia em que passou.
    Seja forte, firme ... minha amiga!!!
    Elianinha - Mogi Guaç-SP.

    ResponderExcluir
  12. Lamentável, que continuem a acontecer estes acidentes!
    Em Portugal, como sabe, aconteceu há alguns anos a morte de duas crianças num parque aquático, um caso que andou nove anos na Justiça, tanto a empresa do parque de diversões como o estado foram condenados, o Estado por não ter legislação reguladora destes parques. Só a partir daí se fizeram inspecções profundas a todos eles, alguns fecharam mesmo na altura por não terem condições adequadas.
    O Caso chegou a prescrever, mas foi tão vergonhoso para o Estado, que se conseguiu a reabertura do mesmo e depois de transitar para o Superior Tribunal de Justiça, acabou por ter o seguinte desfecho:

    "Chegou ao fim o processo Aquaparque. Nove anos depois da morte das duas crianças de nove anos, Frederico Duarte e Cristina Caldas, o Estado decidiu atribuir, por acordo extrajudicial, uma indemnização aos pais."

    In Jornal Público de Julho de 2002

    Fez-se alguma justiça, embora isso não devolva a vida das crianças e as dificuldades por que as famílias passaram.

    Faz bem alertar sempre.
    Beijinhos para si.
    Branca

    ResponderExcluir
  13. Queridas, ainda estou emocionado... mas também revoltado com a lentidão da Justiça, e com a fiscalização que escasseia, sei que não vais parar, sei que vais continuar, e eu cá estarei para te ajudar.

    Beijão grande, daqui do outro lado do atlântico, onde estarei neste momento a postar o vídeo que o trouxe daí.

    Beezz

    ResponderExcluir
  14. realmente un reportaje muy impactante
    y muy bien realizado, espero que sirva para que la autoridades tomen por fin manos en el asunto y ponga las medidas necesaria para que no vuelva a ocurrir
    Espero que pases unas felices fiestas de todo corazon
    saluditos

    ResponderExcluir
  15. Odele. Cada vez mais importa este blog e os alertas que faz. Conversei, dia seguinte a nosso encontro, com várias pessoas que nunca, jamais, em tempo algum, tinham se preocupado com ralos de piscina. Gente que tem filhos! E que me garantiram que, a partir de agora, iam ficar alertas.
    Portanto, tua batalha é preciosa.
    bj

    ResponderExcluir
  16. Odele, minha querida amiga guerreira!

    Brava e exemplar tua conduta na incansável tarefa de denunciar a displicência, e até se pode dizer, o pouco caso que os fabricantes desses ralos demonstram. Infelizmente outra vítima ... Gabriel.

    E a justiça que não os pune!
    Que sensação de vulnerabilidade que ela nos dá!

    A reportagem foi excelente e você soube usar muito bem o espaço que lhe foi dado...

    Beijos...

    ResponderExcluir
  17. Olá minha doce amiga Odele, pois é... mais um caso triste nesse seu Brasil, infelizmente vão acontecendo e nada se faz para que estes casos deixem de existir, e que custa fazer uma boa fiscalização por essas piscinas e parques aquáticas salvando vidas como esses meninos todos que aqui passaram nesta excelente reportgem onde aparece a nossa doce Flavia... amiga me emocionei ao ver ali as fotos que te mandei por cima de sua cama.. estou sem palavras e até me custa escrever... bom te ver e ver a Flavia ali te sentindo e recebendo seu carinho pelas sua mãos.

    Deixei um post no meu cantinho espero que gostes minha amiga Odele... e mais uma vez parabéns por lutares por uma causa justa.

    Está na hora de ser feita justiça pela Flávia...

    Bjs doces na Flavia e em ti,
    Nuno

    ResponderExcluir
  18. Odele
    Fico arrepiado quando vejo videos como este.É terrivel o que continua a acontecer todos os dias e em todo o mundo, e não se compreende porque é que isso acontece pois há soluções tecnológicas que permitem manter uma água limpa nas piscinas e parques aquáticos sem recurso a bombas de sucção potentissimas.
    Sinto medo de ir a piscinas, levar meus netos e ver tantas crianças pulando felizes alheias aos perigos escondidos que de um momento para o outro lhes podem "sugar" as vidas ou deixá-los incapacitados por toda a sua existência.
    Será que os responsáveis pelas normas de segurança em lugares públicos de lazer como piscinas e parques aquáticos não têm filhos e outras crianças a quem amem e não vejam esses perigos?
    Doi ver o presente estado de coisas e a impassividade dos homens face a tantas mortes e incapacidades permanentes,as quais são impossiveis esconder

    ResponderExcluir
  19. Excelente reportagem. Infelizmente nenhuma autoridade participou. A culpa, quando existem alguns poderes envolvidos morre sempre solteira.

    ResponderExcluir
  20. Eu assisti ao programa e me lembrei de ter ouvio falar do seu blog na hora.
    Fiquei preocupada e dei uma investigada na piscina aqui do meu condomínio.
    Parece que por aqui tudo dentro dos conformes.
    Obrigada por dividir conosco sua experiência e ajudar à nós mães a investigar sobre a segurança dos nossos filhos.
    Fiquem com Deus.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Madre mi corazón te aclama, no olvides a este tu hijo.

    Con mucho amor, bendigo el árbol del cual provienes y a tu simiente hoy y siempre.

    Que el Señor pose su amor sobre vosotros.

    Te amo Odele, amo a Flavia...

    ResponderExcluir
  22. Muita força predestibada de Deus. Que vc e Flávia sejam fortes e fiquem em paz

    ResponderExcluir
  23. Odele,
    Vi com toda a atenção a reportagem, que por sinal está muito bem conseguida. São reportagens assim que são cada vez mais precisas para não deixar que este tipo de situações e injustiças acabem por ficar impunes.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  24. E pior que eu fico paranóico com isso

    Obrigado pela visita.

    ResponderExcluir
  25. Querida amiga,
    chocante demais para se ver e ouvir sem ficar horrorizado e completamente revoltado com a lentidão da justiça brasileira e falta de consciência e sensibilidade dos responsáveis que gerem esses espaços e fabricam essas bombas de sucção.

    Mudando de assunto,
    tenho um desafio em meu blog para si.

    Beijinhos grandes

    ResponderExcluir
  26. Oi, eu gostaria de colocar no meu blog esse esclarecimento pelos perigos dos ralos de piscina, porque me emocionei muito com a realidade de vocês , pq tb tenho uma menina, e gostaria de te ajudar de alguma maneira, pq "imagino" o teu sofrimento,
    Beijos

    ResponderExcluir
  27. Odele amiga querida,
    que triste, mas um acontecimento trágico envolvendo estes mostruosos e assasinos ralos de piscina. Uma bomba relógio instalada dentro das piscinas. A força é tão grande que quando pega pela pele, uma criança a deixa imobilizada até morrer por afogamento. Esta sucção como voce me diz superdimensionada , tem que função dentro de uma piscina? Isso é coisa absurda técnicamente . Como que uma coisas dessas ainda é usada até hoje?
    Quantas crianças vitimas desta coisa deverão morrer para que se veja o que fazer?
    Vi minha linda Flávia na reportagem e espero que os juízes do Supremo também tenham a visto. E se compadecido. E possam dar a ela DIGNIDADE DE UMA VIDa lhe dando CAUSA GANHA.
    Nenhum dinheiro pode pagar o que Flávia sofreu. Que pelo menos ela possa ter o direito viver digninamente.
    Beijos minha linda Flávinha,Beijos Odele.
    Ray

    ResponderExcluir
  28. É confrangedora a falta de acção das autoridades e a inoperância da justiça, perante tantos casos.

    Um beijo à Flávia
    Uma semana feliz

    ResponderExcluir
  29. Odele
    Eu vi na TV e lembrei logo de ti e da Flavinha.
    Voltei depois de muitos contratempos. Mesmo depois de muitos dias, vou levar este vídeo lá pro blog.
    Bjim pra ti e pra Flavinha.

    ResponderExcluir
  30. Odele
    Esta reportagem é um exemplo do que é um bom jornalismo feito na base da informação e da recolha de testemunhos, sem piguices nem partidarices, sem medo e sempre a procurar o esclarecimento que se impõe.
    A reportagem põe o enfoque na responsabilidade que as empresas têm na concepção e montagem dos ralos, na gravidade dos acontecimentos que tiram a vida a muitas crianças e na impunidade que permite que os casos se repitam.
    Adorei a tua intervenção e sofri olhando para Flávia, para as flores do seu cabelo, para a mobilidade que se contrapõe ao seu fulgor de outrora.
    Odele, porque temos que gritar quando a verdade está bem perto e todos a podem ouvir? Eu sei, a justiça não nos ouve. E é a única pelos vistos.Então terá que passar a chamar-se outra coisa que não seja justiça.

    Abraço

    ResponderExcluir
  31. Origada, Odele, pela sua visita gentil. Você é uma pessoa generosa que, em meio à sua luta -- quem sabe, por causa da sua luta? Estou pensando isso agora --, consegue enxergar os outros e se aproximar deles também.
    Para você e sua família, desejo com sinceridade um Natal de paz, amor e esperança. Beijo.

    ResponderExcluir
  32. Grace Olsson22 dezembro, 2008

    Odele, a Flávia é a cara do descaso das leis e a falta de protecao à crianca no Brasil.
    Beijocas nas DUAS.
    Te quero muito bem, viu?E te admiro demais..

    ResponderExcluir
  33. Olá Odele,
    estou emociada com a sua história!
    E admiro a sua luta!
    Desejo muita força a vocês!
    Beijos de Nane do RJ.

    ResponderExcluir
  34. Espero que Deus dê muita força para você continuar a sua luta, e que num dia, que esteja bem próximo, seja feita a justiça. A sua luta, com certeza, tem salvado muitas vidas e continuará salvando outras.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  35. Odele, chorei lendo sua página.
    Fiquei muito emocionada com sua dedicação e carinho.
    Vc tem uma filha muito bonita!
    Espero que a sua luta não seja em vão! Que justiça seja feita e que a ocorrência de casos como esse diminua!
    Um abraço do fundo do coração!

    ResponderExcluir
  36. Oi Odele !!!
    Venho por meio deste para te parabenizar pela mãe que és.
    sou pai de família e fiquei comovido com tudo o que ocorreu com a Flávia.
    tenha a certeza que sempre em minhas oraçôes peço sempre pela saúde dela.
    abraços de Whendell monserrath e Aline I. Azevedo

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails