Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Acidentes nas piscinas do Brasil, 20 anos depois

- 6 de janeiro de 2018
 


06 de janeiro. No dia de hoje, 20 anos atrás minha filha Flavia, uma criança de 10 anos, linda e saudável, sofria um acidente causado pela sucção do ralo da piscina onde ela nadava, que lhe condenaria a viver em coma pelo resto da vida. Flavia, vive em coma. Há 20 anos. Olhar para minha filha e ver sua vida estagnada sem que eu nada possa fazer para mudar a condição de vida dela, me causa uma dor diária e me deixa devastada.

Em 2007, quando criei o blog Flavia, vivendo em coma com o objetivo de alertar outras pessoas para o perigo existente na sucção dos ralos de piscinas e para lutar por uma Lei Federal para Segurança nas Piscinas, eu não imaginava que seria tão difícil conscientizar os políticos de Brasília a aprovarem uma Lei que certamente salvaria vidas, principalmente de crianças.

Foram muitos textos escritos, e-mails, telefonemas, viagens ao Rio e  à Brasilia, mas tudo ou quase tudo,em vão. O máximo conseguido dos políticos foram promessas vazias. A Lei Federal de Segurança nas Piscinas até hoje continua, sem aprovação nas águas mal paradas da burocracia de Brasilia. 

A ABNT, Associação Brasileira de Normas Técnicas, com sua norma 10.339 referente a Segurança nas Piscinas e que datava de mais de 30 anos, recentemente fez um trabalho de revisão de sua norma, com o envolvimento de profissionais do setor, entre eles, empresários do ramo, engenheiros e construtores, num trabalho longo que durou mais de um ano. No entanto, até agora essa atualização ainda não foi disponibilizada no site da ABNT, porque o texto ainda precisa ser colocado no “formato”característicos das normas da ABNT. Mais uma vez a burocracia sai vencedora.

Enquanto isso, os acidentes nas piscinas do Brasil seguem acontecendo com uma frequência alarmante tanto para os usuários de piscinas quanto para os pais de crianças, crianças essas que nunca voltaram de seus mergulhos porque perderam a vida num momento em que apenas buscavam exercer direito de toda criança. Brincar em segurança.

As principais causas – as mais graves – de acidentes com crianças em piscinas, acontecem por três motivos: 1. A sucção dos ralos que causa o aprisionamento de cabelos ou partes do corpo 2. Ausência de portões auto travantes e 3. A falta de cercas de proteção que causa a queda e afogamento de crianças pequenas. Esse problema poderia ser facilmente resolvido com instalações de tampa ou grelha anti aprisionamento, de portões auto travantes e cercas de proteção ao redor de todas as piscinas, sejam elas de uso doméstico, coletivo ou público.

Diante da burocracia,  da morosidade, do descaso e da inércia de nossos políticos, minha sugestão é de que cada um de nós passe a exigir segurança na piscina de sua casa , de seu condomínio, do clube, do parque aquático ou do hotel onde você for passar férias com seus filhos. E se você não tiver filhos, há de ter netos, sobrinhos, irmãos pequenos, afinal, todos tivemos, temos ou teremos uma criança em nossas vidas. E no caso de se constatar a ausência de pelos menos (sim, é o mínimo) dos dispositivos de segurança acima mencionados, que seja cobrado do local a segurança necessária. E se encontrar dificuldade para exercer o seu direito à segurança na piscina onde suas crianças vão estar, denuncie! 

Segurança nas piscinas, uma causa de todos nós!


Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

6 comentários

  1. Já que os políticos não mudam eu sempre fiz, faço e farei a fiscalização e alerto muita gente para que faça o mesmo.

    Triste, muito triste e não consigo me conformar nem imaginar com o teu enorme desgaste amiga.

    Tenho vindo a comentar mas verifiquei que os mesmos não foram publicados o que me levou a pensar que estás mesmo cansada, para não dizer...desiludida com quem comanda o teu país.

    Não sei o que te dizer mais, apenas que denuncies sempre que te apetecer porque és a voz da tua/nossa Flavia.

    Beijos mil de sempre e para sempre

    ResponderExcluir
  2. Enquanto isso, apesar de sua luta pela segurança das piscinas, os políticos lutam pelo direito de roubar. Um dia vencerás, amiga. As crianças merecem todo o esforço. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Assinalar mais um aniversário desse trágico acontecimento que veio ensombrar definitivamente a vossa vida é sempre doloroso.
    Nós que acompanhamos, ao longo dos anos, essa tua dor, mas também a tua luta, somos testemunhas do empenhamento e coragem com que impulsionas esse sentimento no sentido de contribuires para a efectivação de medidas que possam prevenir a repetição de acidentes como aquele que ocorreu há mais de duas décadas com a nossa querida Flavia.
    E não deixaremos de denunciar a indiferença das autoridades (i)responsáveis perante o dever de proverem a protecção dos cidadãos que juram servir. Estes 20 anos de devastamento que já levas mereciam, no mínimo, que essa indiferença, essa teia burocrática, essa incompetência, terminassem e se assistisse à tomada das decisões que aqui tantas vezes tens exigido.
    Para ti, um forte e solidário abraço.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia. Confesso que estou solidário com a sua dor. Nem sei que mais dizer...Que Deus a ajude, à filha e a si.
    .
    * Adejam pétalas ... como lábios se beijando *
    .
    Deixando votos de um dia feliz
    .

    ResponderExcluir
  5. Encontrei seu blog procurando cercas para piscina. Moro em casa alugada, mas vou providenciar para segurança da minha filha de 6 meses e das crianças que aqui vierrm.
    Fiquei emocionada ao ler os relatos da sua luta. Nao desista, sua mensagem pode salvar muitos. Ficarei mais alerta alerta com piscinas. Grata

    ResponderExcluir
  6. Vi a história dá Flávia a uns 5 anos atrás e sempre entro aqui com a esperança que um dia ela acorde desse sono profundo 😭 , você é uma ótima mãe

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails