Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

De novo: Evitando escaras em pessoas acamadas ou com mobilidade reduzida

- 21 de setembro de 2016
Flavia sentada na sala, em sua cadeira de rodas

Tendo em vista eu ter uma filha que vive em coma há mais de 18 anos, continuo a receber inúmeros e-mails me perguntando como cuidar de escaras em pessoas acamadas. Como me é difícil responder cada e-mail individualmente, este post destina-se a  responder às questões dessas pessoas, lembrando que não sei como tratar escaras e sim como evitá-las, já que Flavia nunca teve escaras.

Mesmo vivendo em coma, Flavia não fica o dia todo na cama. Após a fisioterapia diária, ela é colocada na cadeira de rodas adaptada para ela e fica na sala, obviamente acompanhada de uma  auxiliar ou técnica de enfermagem. E como a cadeira de rodas de Flavia é stand up, ela é colocada em pé por meia hora. Portanto, todos os dias, são duas horas e meia sentada e meia hora em pé. Se o dia estiver bonito descemos com ela para o jardim do prédio, por uma hora para que ela tome um pouco de sol e tenha contato com o ambiente externo. Ao todo, Flavia fica na cadeira de rodas, por três horas, não mais do que isso. Ao ser recolocada na cama, Flavia fica  na posição lateral, para descansar o corpo do tempo em que na cadeira, ficou na mesma posição. A cada duas horas faz-se nova mudança de posição e se confere se tudo está em ordens com as roupas. Se por  algum motivo Flavia tem que permanecer na cama, a higiene do corpo e das roupas pessoais e de cama é feita com cuidado e carinho, de forma que ela permaneça limpinha e confortável. 

A fim de se evitar escaras em pessoas acamadas ou com mobilidade reduzida, além da  cuidadosa higiene e da mudança constante de decúbito, a alimentação balanceada também ajuda muito. Importante também é cuidar da hidratação da pele.Já usei vários tipos de óleo para hidratar a pele de Flavia, que compro em farmácias ou em casas de produtos hospitalares. No momento, estou usando na pele dela, óleo de coco extra virgem e orgânico que tem se mostrado bastante eficaz.

É preciso levar em conta que os idosos têm pele mais sensível e por isso mesmo são mais propensos à formação de escaras, assim sendo, é preciso redobrar os cuidados com a pele dessas pessoas, se estiverem acamadas ou permaneçam por longos períodos na mesma posição.

No mais, é bom sempre lembrar que o amor é terapêutico. Não basta cuidar, é preciso cuidar com amor.

Um abraço a todos e até o próximo post. 

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

2 comentários

  1. Leio sempre com imensa atenção estes teus postes, porque no teu calvário já tão longo a experiência conta muito e muito me tens dado.

    A minha mãe está num lar onde tem sido muito bem cuidada e tratada. A sua mobilidade ficou reduzida, muito reduzida e mesmo assim estou sempre em alerta máximo. Sempre que vou lá, faço com que venha comigo dar uma volta até à praia que é tão pertinho. Dá uns passinhos, entra no carro e vamos. Chegamos, ponho uma almofada no banco, vai amparada em mim e assenta-se a apanhar ar. O mesmo faz a minha filha e genro. É altura dos surfistas e por vezes os bancos estão pejados de tralha deles, mas quando chego e estaciono, já me conhecem e por vezes um ou dois vêm dar-lhe o braço para sair e sentar-se no banco:))) Mas o que foi e no que se tornou, mas a idade não perdoa e falo tantas vezes, mas tantas vezes dalo de ti e de Flavia onde a incúria de alguns lhe roubaram a infância, adolescência e vida que poderia ter sido tão promissora. Admiro-te MUITO e disso sabes tu muito bem.

    Beijos de sempre e para sempre e mil em Flavia

    ResponderExcluir
  2. Parabéns! Este post vai ajudar muitas pessoas.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails