Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Flavia tomando sol no jardim. Faz parte de sua rotina

- 7 de junho de 2014
Flavia, tomando sol no jardim do prédio onde moramos.

Depois de alguns dias de muito frio e chuva, hoje, aqui na minha São Paulo, está fazendo um  dia lindo.  E aproveitei para levar Flavia para tomar sol  e secar os cabelos recém lavados, sem a necessidade do uso do secador que sempre danifica um pouco os fios. Manter longos  os cabelos de Flavia  é um compromisso que assumi com minha filha, por me lembrar sempre que era assim que ela gostava de ter os cabelos. Longos. Uma vez por ano o cabeleireiro Ary vem à nossa casa manter o corte dos cabelos de Flavia. É o mesmo cabeleireiro que cortava os cabelos dela antes do acidente. E já se vão 16 anos.

Todos nós conhecemos os benefícios do sol, desde que tomado com moderação e com os devidos cuidados. Em pessoas que permanecem longos períodos acamadas, como é o caso de Flavia,  o sol é ótimo também para dar à pessoa uma cor mais saudável.

Sempre que o dia está bonito, com um sol gostoso como hoje, Flavia passa uma hora no jardim do prédio. É uma forma de lhe  proporcionar  estímulos auditivos diferentes daqueles que ela recebe em casa. No jardim, além do sol que lhe aquele o corpo, há pessoas que passam e nos cumprimentam e  por vezes até param para um dedo de prosa. E Flavia  pode olhar para as  árvores, para as flores   e  ouvir os passarinhos que por vezes saltitam ou voam baixinho  perto de nós.

Para poder ficar sentada na cadeira de rodas Flavia é presa por faixas com vélcros. E é indispensável  um apoio de cabeça, já que ela perdeu o controle de todo o corpo. Estas e outras são adaptações feitas  em oficina especializada  e levar Flavia até essa oficina é tarefa das mais complicadas. E somente após muitas "viagens" até a oficina é que a cadeira fica adaptada para as condições e necessidades  de Flavia. Mas o custo x benefício desse trabalho de adaptação da cadeira vale muito a pena pelo conforto que a cadeira passa a oferecer ao usuário.

Essa cadeira de rodas usada por Flavia  na foto, é uma cadeira "stand up" que permite que Flavia seja colocada em pé, uma vez ao dia por 30 minutos. Embora "pesadona", a cadeira stand up oferece grande benefício  às  pessoas acamadas ou com mobilidade reduzida.  Num próximo post vou mostrar uma foto de Flavia colocada em pé nessa cadeira e falar mais dos benefícios e  de como funciona a cadeira "stand up".

Bom fim de semana a todos.


Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

10 comentários

  1. Parabéns Odele pelo carinho com sua filhota. Bjs

    ResponderExcluir
  2. Gostei da tua forma terna de apresentares as mil e uma formas de "bem estar" que dás para Flavia e como ela cresceu...e sinceramente pensei...quem dera estar mais perto que vos fazia companhia e quem sabe até ajudaria.

    É bom teres esse recanto para que ela possa sair da sua cama, do seu quarto e apanhar um pouco de sol que faz e sabe sempre tão bem.

    Força e gostaria de ver as funcionalidades da "Stand up".

    Beijos e um bom domingo para as duas

    ResponderExcluir
  3. Ela está uma linda moça, Odele. Seu carinho e dedicação são visíveis. Deus as abençoe.
    Beijo, menina

    ResponderExcluir
  4. Odele,

    Estou passando aqui hoje apenas para dizer que te admiro, que de longe minha admiração acarinha essa força assustadora que você é.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. Que o sol vos ilumine, hoje, amanhã e sempre.

    Obrigado pela partilha, mãe coragem.

    Abraço

    ResponderExcluir
  6. Como bem diz a amiga Fatyly este post mostra bem o desvelo com que cuidas da Flavia. Realmente, tu procuras que, apesar do estado a que o terrível acidente que todos conhecemos conduziu a tua filha, ela possa usufruir do contacto possível com o mundo que a rodeia. Sentir o sol, o piar dos pássaros e outros sons da natureza, a aragem da brisa de uma tarde agradável, são coisas a que a Princesa continua a ter direito.
    E esse carinho que lhe dedicas, tão atenta a tantos pormenores, não deixa de ser enternecedor e tocante.
    Desde longe, um beijo carinhoso para as duas.

    ResponderExcluir
  7. Que bom Odele que Flávia possa usufruir do sol e da natureza que a envolve. Gostei muito de ler sobre as funcionalidades da cadeira, quem sabe possamos ajudar outras pessoas aprendendo aqui o que é possível fazer.

    Beijinhos para as duas, com muito carinho.

    Branca (Brancamar)

    ResponderExcluir
  8. Minha linda! Minha menina linda!

    ResponderExcluir
  9. Bianca Gimenes16 outubro, 2014

    Querida Odele... estou sempre espiando seu site pra ver como vc está e a Flavia tambem!
    Fiquei feliz em ver uma fotinho dela tomando sol...que cabelos lindos...!!!
    Como sempre, te acho uma mãe linda e fantástica.... tenho certeza que a Flavia sabe disso.
    um grande beijo pra voces duas!

    ResponderExcluir
  10. Sua força e dedicação é surpreendente. A busca de encontrar caminhos para o bem estar da sua filha é admirável.
    bjs

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails