Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Se Flavia não desiste, eu também não

- 17 de março de 2009
Amigos e leitores deste blog,

Após o julgamento do processo de Flavia em Brasilia pelo Superior Tribunal de Justiça, dia 03 de Março de 2009 e cujo resultado foi aqui publicado, o blog de Flavia entra agora em uma nova fase.

Vou continuar escrevendo sobre o perigo dos ralos de piscinas. Vou continuar documentando acidentes causados por esses ralos sugadores, e pela negligência de pessoas que tratam a vida humana com descaso. Vou continuar publicando, sempre que for oportuno, material ilustrativo da Sodramar ou de qualquer outra empresa fabricante de sistemas de sucção de piscinas, que em seus manuais e embalagens, mostrarem que estão preocupadas com a segurança de suas instalações hidráulicas e com a adequada orientação aos seus clientes, sobre o potencial risco de seus produtos, caso venham a ser instalados e operados de forma inadequada.

Sinto que a história de Flavia ainda não terminou. E sinto, por toda a receptividade que tem este blog, que mesmo tendo perdido a voz, os movimentos e a consciência, Flavia tem caminhado por diversas cidades do Brasil, mas não só. A voz de Flavia ecoa longe, atravessa fronteiras, chega a outros países, alcança ouvidos, mentes e corações, numa demonstração clara de que não será o seu estado de coma que a impedirá de gritar alto a sua indignação pelo desrespeito aos direitos não só dela, como de tantas outras pessoas que silentes com as negligências e injustiças, se tornam delas coniventes.

Nesta nova fase do blog estarei publicando, sempre que for possível e oportuno, textos, imagens, comentários e outras manifestações de apoio, que me chegarem dos amigos que eu e Flavia felizmente, fizemos por todo o mundo.

Estou certa de que as manifestações de solidariedade à causa de Flavia, sejam textos, desenhos, imagens ou comentários deixados neste blog, continuarão a ser feitas de forma a mostrar indignação contra as negligências e repúdio contra as injustiças, de maneira firme e objetiva, mas sem o uso de palavras agressivas, inadequadas ou ofensivas a quem quer que seja. Muito obrigada por isso.

Publico abaixo alguns dos muitos comentários deixados no post sobre o resultado do julgamento de Flavia em Brasilia.

SILÊNCIO CULPADO (Portugal) disse...
Odele: Apesar da minha revolta por a Jacuzzi não ter sido condenada - o que abre um precedente para que continue a descurar as questões de segurança -, considero que foram dados alguns passos em frente. Ficou claro que houve responsáveis. Ficou claro que a ti não coube qualquer responsabilidade.Ficou claro que a luta produz efeitos e que tu, como mulher de causas e de coragem, não irás desistir.Concordo com o que diz o Beez. Também eu nunca te abandonarei na tua luta.Abraço
Terça-feira, Março 03, 2009


Grace Olsson ( Suécia) disse...
ODELE, QUERIDA...A Justica Divina tarda mas nao falha.Dessa...nada e nem ninguém consegue se eximir. Sem palavras....Mas nao choro de raiva...choro de vergonha de um país sem nenhuma sensibilidade com os direitos das criancas...bjs e dirija os pensamentos ao Altissimo.
Terça-feira, Março 03, 2009

Susana (Susana Cardoso – Brasil) disse...
Olá Odele e Flávia,Graças a Deus, apesar de tudo não ser como deveria, está concluído o processo. Força para continuar na tua luta. E só para constar: desses 5 ministros, algum conheceu Flávia pessoalmente??? (como julgar sem ver de perto a consequência que ficou no corpo de Flávia, da irresponsabilidade dos fabricantes???)Que Deus continue com vocês!!!Beijos...
Terça-feira, Março 03, 2009


Lídia, Grace e Susana: Muito obrigada.

até o próximo post.

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

36 comentários

  1. «SE FLAVIA NÃO DESISTE E TU TAMBÉM NÃO.»

    Eu também não desisto.
    :-)

    bjs Odele e Flávia

    ResponderExcluir
  2. Odele! Tens razão de usar este espaço para gritar contra todas as formas de negligências e injustiças que ocorrem.
    Beijos o coração de vocês duas.

    ResponderExcluir
  3. Continuo desejando que as forças de vocês duas, guerreiras, se renovem sempre, todos os dias; com certeza, a voz de Flávia e a sua, Odele, são hoje ouvidas por muitas pessoas: ouvidas com atenção, respeito, admiração, carinho. O mínimo que podemos fazer é lhes desejar muita força para a caminhada de todo dia...

    ResponderExcluir
  4. Odele, acima de tudo existe meu carinho por você e pela Flavia, e quero continuar essa caminhada com vocês.
    Contem comigo, sempre.
    beijinho

    ResponderExcluir
  5. Se a Odele decidiu continuar, cá estarei também.

    Força minha gente!!!

    ResponderExcluir
  6. Não nos podemos calar mesmo. Muitos beijos.

    ResponderExcluir
  7. Sabes bem a minha posição DE MÃO DADA CONTIGO E COM FLÁVIA E COM TODOS QUE AQUI VÊM num contributo de uma acção preventiva perante tantas negligências e de uma justiça que se quer mais célere e isenta.

    Força minha doce amiga e eu e muitos seremos "a voz, os movimentos e a consciência" de Flávia, mas jamais "sem o uso de palavras agressivas, inadequadas ou ofensivas a quem quer que seja" arma que não nos leva a lado nenhum.

    Beijos sinceros do lado de cá do oceano

    ResponderExcluir
  8. PS: Como leio todos os comentários...deixo igualmente uma beijoca à Lídia, Grace e Susana:)

    ResponderExcluir
  9. Ola amiga, como mãe e ser humano te linkei no meu blog.A luta continua, sua missão,muito árdua é a de não calar.
    Infelizmente, o dinheiro para continuar a bancar as altas mordomias falam mais alto que a responsabilidade de salvar outras vidas. Mas a justiça divina é justa!!! Sei que no dia-a-dia,nao resolve esperar por ela no sentido de se ver a justiça sendo feita. Lógico que como mãe eu queria diferente,mas...se Deus te deu a opção de ficar com sua menina mesmo que no estado de CV, mas ainda assim, você pode abraçá-la,sentir seu cheirinho, sentar e contar histórias para ela, sim, eu acredito que ela possa te ouvir e sentir seu abraço de mãe, ter seu colo de mãe. Ame-a como nunca a amou,porque isso é necessário. Fiquem com Deus. Um beijo grande para as duas.

    ResponderExcluir
  10. Amiga querida, podemos até ser um pingo no oceano, mas, esse pingo tem a força de uma onda gigante, avassaladora, que vai lavando a maldade dos culpados e livrando outros do perigo. Realmente, a Flávia mesmo calada, fala mais que muitos, com sua causa e a sua dedicação de mãe que completa essa missão; Odele, você me comove cada vez mais. Um super beijo e fiquem com Deus!
    isa
    artemanha/sem estresse blog

    (obs. excluí o coment anterior, pois estava com a assinatura errada)

    ResponderExcluir
  11. Oi Odele,

    Nao tenho conseguido entrar na tua página.Parece q está muito pesada e demora muito para abrir.Dê uma olhadinha no q está acontecendo ok?Quero te dizer q estou com vc(Sempre!)...E claro, pode contar comigo e com meu Avesso viu?

    Enquanto há vida existe a esperança minha amiga!

    Beijos

    Maria

    ResponderExcluir
  12. Odele querida

    EStarei sempre aqui acompanhando seu blog. Sim faça isso, edite as mensagensm, as imagens , todas as publicações, como tem feito até agora . Isso com certeza levará a população a criarcada vez mais consciência sobre os riscos que você denuncia com tanta realeza.

    beijos

    Rosemari

    ResponderExcluir
  13. Odele

    Flavia e o nossa Rosa dos Ventos.

    Estou com voces e nao vou desistir, conte comigo e com meu blog para o que precisar.

    Odele, sabe, esta nova fase do blog de Flavinha, merece uma blogagem coletiva.

    Odele, estou abrindo normal o blog, sem problema algum, as vezes abre melhor no firefox, quando um fica lento, tento no outro, embora minha preferencia, seja o Explorer.

    Beijinhos e vamos simbora.

    ResponderExcluir
  14. Odele,

    E nós estaremos aqi dando apoio a essa sua iniciativa bastante louvável. Jamais desista, assim nós tbm havemos de ter esperanças de dias melhores.

    Beijos
    Paz

    ResponderExcluir
  15. Querida Odele enquanto a enquanto a Flávia gritar no seu silêncio e pela tua voz eu continuo gritando também.
    Os oceanos são feitos por muitas gotas de água.
    Um beijo cheio de força para si e outro para Flávia.
    Jamais desista

    ResponderExcluir
  16. Vivemos num Brasil deparado por situações tão escandalosas quanto impunes. Convivemos com mudanças de valores delicadas e por demais perigosas.
    A Flávia é a representação viva de uma situação a exigir mais que um processo jurídico.
    A Flávia é mártir a impor vergonha até mesmo aos que insistem em dar de ombros ao que fazem, por trazerem em suas atitudes a falta de respeito para com o ser humano, para com o próximo.
    A Flávia é poder de resistência e força a dignificar o que alguns seres em suas instâncias insistem em ignorar.
    A Flávia é esperança de vida a dar sustento ao amor e não à hipocrisia de quem perde tanto por só querer ganhar tanto.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  17. Minhas queridas,ando atualmente um tanto distante da blogosfera por motivo de trabalho e viagens, mas sempre que posso venho dar uma espiadinha para saber notícias, ainda que nem sempre coloque comentários, o que me incomoda e entristesse, mas...
    Não sei se fiquei mais triste ou mais chocada, ou mais revoltada, ou...com a decisão da nossa (IN) Justiça brasileira...que além de cega, surda, emudecida, é burra e insessível...Só 1 dos 4 "poderosos" tem pele, ossos, sangue e coração...e os demais ? será que só irão entender tudo o que aconteceu se vierem a passar por semelhante dor ? Precisam viver intensamente a experiência de ter uma tragédia em suas vidas e receberem a indiferença que ofereceram a você , à Flávia e a todos que acompanham o caso numa torcida solidária,calorosa e intensa ? Que mundo é este ? Que pessoas são estas ? Também estou chorando - não só de tristeza,infelizmente...de raiva, indignação,revolta,...sei lá !
    Tive o desprazer de passar por um processo após um acidente que me machucou muito e deixou "suas recordações" em meu rosto, e também o resultado não me foi favorável, por "proximidades" entre os réu que era advogado, seus 7 ( é, sete) advogados e o juíz ( que era seu amigo...).Esperava que com vocês - o caso foi infinitamente mais grave- as coisas se resolvessem de maneira digna, humana, justa.Mas, a justiça verdadeira não é feita pelos homens da lei. Estarei sempre por perto ( ainda que viajando...),oferecendo apoio, carinho e ajuda, caso solicitem.
    Conhecer vocês foi um privilégio.Muito aprendi sobre paciência,perseverança, amor. Só tenho agradecer. Que Deus as ampare, aconchegue e ilumine.Um abraço muito apertado e fraterno. Betty

    ResponderExcluir
  18. Amigas:
    Junto a minha humilde voz de concordância e força, a si, maravilhosa amiga gigante Odele e a todas as comentadoras deste blog.
    Com fascínio e admiração por uma justiça em face de negligência óbvia e manifesta...em todos os domínios da vida...
    Beijinhos e um, especial, para a doce e linda Flávia de sonho...

    p.p.

    ResponderExcluir
  19. Pelo que já conhecemos de ti, sabíamos que não desistirias, não te conformarias, não te remeterias ao silêncio.
    Nem nós, teus amigos incondicionais aplaudiríamos uma tal decisão, que, se calhar, a algumas pessoas até poderia parecer razoável e justificada.
    Acho, por isso, que, embora em silêncio, a Flavia tem ainda uma missão a cumprir. Tu serás a sua voz, nós seremos a sua voz.Ela caminhará nos teus passos.
    Ela caminhará nos nossos passos.
    E pode a justiça ter tranquilizado, em parte, alguém que deveria, antes de mais, ter um grande peso na consciência. Mas, pela nossa parte, não terá alívio. Porque a força da nossa opinião, da nossa censura moral e ética, não lhes dará tréguas Nós cá estaremos para não os deixar "pôr uma pedra sobre o assunto".
    Por tudo isso, porque não damos o caso por terminado, aqui continuaremos! Com a Flavia e contigo.
    É, como bem dizes, uma nova etapa de um longo caminho já percorrido. Mas que ainda tem muito para se andar.
    Cá estivemos!
    Cá estamos!
    Cá estaremos!

    ResponderExcluir
  20. Força querida Odele, a Flavia não desiste, você tambem não, e nós estaremos sempre aqui porque "DESISTIR" em casos como este, é palavra que não entra no nosso dicionário!

    Beijinhos grandes,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  21. Atrasado no tempo, vim saber de coisas novas que o próprio não faz muita questão de me acompanhar. Mas isso são outros quinhentos que podemos ultrapassar.

    No entanto, lendo suas palavras e continuando a ver a sua filha pelo lado que a Internet pode deixar ver, fico bem feliz por esse seu título tão oportuno, bom e carinhoso.

    Lendo até todos os comentários, Odele, ficamos com a ideia absoluta que AQUI, neste seu cantinho que já é de todos nós, ninguém desiste!

    Muito menos eu, que já perdi tudo o que tinha para ganhar.

    O meu carinho e amizade fica por aqui entre este Mar que nunca nos deve separar.

    ResponderExcluir
  22. Odele todo este sofrimento não será em vão! Acredite. A união faz uma força absurda e então que vc e Flávia fiquem com a união de nossa revolta sobre o caso de vocês e mais a união de nosso pensamento positivo que te ajudar a ter força pra suportar essa batalha!

    ResponderExcluir
  23. ....

    Odele,
    É um direito teu. Mais até do que um direito, é um dever.
    Conheces, como ninguém, até onde podem chegar as irresponsabilidades dos senhores(?) do dinheiro. E conheces também, à saciedade, o quanto a justiça(?) pode ser lenta, autista e permeável a interesses ou influências.
    É legítimo, mais que legítimo, continuares a denunciar.
    Estou contigo.
    Beijos à Flávia.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  24. Nunca se desiste quando a razão está connosco. É o que nos dá força. Daqui para aí toda a força e algo mais que julgue útil para continuar a luta. Até à vitória. É uma questão de saúde, de segurança, de preservação da vida. É uma questão de princípios.

    É a razão que nos distingue.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  25. Odele Amiga
    Um pouco afastado de tudo e de todos, pelas contigências da vida não deixei de saber do resultado do julgamento no supremo tribunal de justiça, o qual me revoltou assim como à maior parte, senão à totalidade dos amigos de Flávia. Nada podemos fazer para mudar o veredicto a não ser encorajá-la na sua luta, para que não haja mais Flavias no Futuro.
    Este post mostra a sua grandeza como ser humano, deitando sementes à terra para que a tragédia que a vitimou na pessoa de sua filha não se volte a repetir noutras familias, não só no Brasil, mas no mundo inteiro uma vez que o blog de Flavia ultrapassou fronteiras e o seu caso é bem conhecido nos países lusófonos e não só.
    Até agora a sua luta por justiça foi intensa e depois de ter lido o seu texto tenho a certeza que a mesma se intenficará em prol daqueles que não têm voz ou capacidade para gritarem, mas que também são vitimas da incuria dos homens e da procura incessante de um lucro fácil no qual a vida e o sofrimento humano têm um valor zero.
    Bem haja por existir e pela força que existe dentro de si. Da minha parte continuarei a querer saber noticias de Flavia na esperança que um dia o milagre aconteça. Continuarei a acompanhar o seu blogue e a defender que a legislação e fiscalização de parques de lazer aquáticos deve ser rigorosa,para que os mesmos não representem um perigo para as vidas daqueles que os frequentam especialmente as crianças que são as mais vulneráveis às armadilhas escondidas e que não deveriam existir.Muita força e coragem nesta missão dificil que o destino pôs em suas mãos da forma mais cruel que se possa imaginar.
    Um beijo para ambas desde Portugal um país onde o panorama da falta de segurança em piscinas e parques aquáticos também é preocupante.

    ResponderExcluir
  26. Odele
    Hoje sem querer fuçando na net me deparei com seu Blog, fiquei muito emocionada com o seu caso, estarei apoiando no que precisar nesta luta por justiça, e rezando sempre por vc's!
    Estarei sempre passando pelo blog pra saber mais notícias!
    Que a justiça seja feita!
    bjs no seu coração

    ResponderExcluir
  27. Odele
    Hoje sem querer fuçando na net me deparei com seu Blog, fiquei muito emocionada com o seu caso, estarei apoiando no que precisar nesta luta por justiça, e rezando sempre por vc's!
    Estarei sempre passando pelo blog pra saber mais notícias!
    Que a justiça seja feita!
    bjs no seu coração

    Priscila Ap souza (MG)

    ResponderExcluir
  28. Joel - Canadá18 março, 2009

    Odele,
    Quanta crueldade, quanta falta de sensibilidade da justiça brasileira, nas pessoas dos juizes e ministros que não condenaram a empresa Jacuzzi,como co-responsável neste absurdo acidente que vitimou Flávia. Sou brasileiro mas moro no Canadá e ao ver que a justiça de meu país, preocupa-se em defender um Cesare Batiisti que nem brasileiro é, mas não uma criança como era Flavia, sinto-me triste e revoltado. Será que a empresa Jacuzzi não se sente envergonhada? E os juizes e ministros de justiça, que tiveram a chance de condenar a Jacuzzi e não o fizeram, será que agiriam assim se o que aconteceu à Flavia fosse com a filha de um deles?!

    Sinto vergonha: Pela Jacuzzi e pela justiça ou seria injustiça? de meu país.

    ResponderExcluir
  29. Odele meu tesouro, tens dois mimitos em http://gracielaroth.blogspot.com/2009/03/mimos-de-malina-laura-pilar.html
    Beijinhos a Flavia e nos vemos sempre!!!

    ResponderExcluir
  30. É assim mesmo, nunca desistir, infelizmente há tantos casos de negligência, durantes esta semana em Portugal houve três casos que abalaram bastante mas por parte dos pais.
    Continue a ser a voz daqueles que não são ouvidos.
    Beijos para as duas grandes senhoras :) e muita força.

    ResponderExcluir
  31. Odele, você é a voz da Flávia e não pode parar!! Beijus

    ResponderExcluir
  32. Grace Olsson19 março, 2009

    vc nao pode desisitir nunca...por que daí, vem granded parte de sua forca...Na busca por Justica , muita gente sai ganhando..Inclsuive, nós pais que temos que nos atentar para que nao aconteca o mesmo com nossos filhos e netos...

    bjs, lindinhas...e dias felzies

    ResponderExcluir
  33. Odele,
    Se Flávia e você não desistem, então eu também não.
    Um beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  34. Faço minhas Odele as palavras de todos aqueles que já comentaram...apoiar-te-ei sempre e onde fores com o teu grito irei também.
    Beijos grandes para TI e para Flávia aquele especial que Ela sabe e sente!
    Jinhos

    ResponderExcluir
  35. Querida, fico impressionada com a sua força de vontade de lutar e mais anda com a força de vontade de viver que tem a sua filha, saiba que mesmo longe e sem conhecê-la pessoalmente vocês podem contar com as minhas orações e com o meu apoio.
    Parabéns a vocês pela coragem e força!!!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails