Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

BINGOS.

- 18 de março de 2007
Durante o ano de 1998, foram feitos três bingos e várias rifas. Amigos e conhecidos ajudavam no que podiam. Doavam prendas, vendiam cartelas e trabalhavam nos bingos que eram realizados no Salão Paroquial da Igreja de Moema, cedido pelo Padre Olivo Binoto.

O salão era bastante amplo. As mesas, eram redondas e brancas mas estavam precisando de pintura. Isto porém não foi problema. Por iniciativa própria, Jandira França, amiga de minha amiga Sylvia Putz, costurou toalhas de tecido bem leve, adquirido por ela na Rua 25 de Março. As toalhas foram confeccionadas com elástico em volta, o que as deixou bem presas às mesas, causando um bonito efeito. Eram todas azuis. No centro de cada mesa Jandira colocou uma embalagem também azul, contendo duas canetas para as pessoas marcarem as cartelas dos bingos. As embalagens das canetas combinavam com as toalhas e tinha em cada uma escrito um versículo bíblico. Até hoje, enquanto escrevo este texto, me emociono ao lembrar de tamanha delicadeza de Jandira.

Ao final, as toalhas foram retiradas e guardadas para serem reutilizadas caso fosse necessário. Foi necessário. No segundo e terceiro bingo, as mesmas toalhas confeccionadas por Jandira guardadas e ainda em bom estado, foram reutilizadas, tendo agora como enfeites de mesa três graciosas chorrincas, que são mini ikebanas, confeccionadas por minha amiga Maria José Recchi.

Meu amigo Ulisses Spagiari, ajudado por nosso também colega de trabalho Jorge Popac eram os de mestres de cerimônia. Sidnei Gen, outro colega de trabalho cantava os números do bingo, professoras do colégio Nossa Senhora Aparecida e alguns conhecidos do bairro cuidavam de toda a logística e ao final do evento, em poucos minutos o salão estava tão limpo com mesas e cadeiras empilhadas e guardadas que nem se diria que ali estiveram reunidas tantas pessoas.

Esses bingos não teriam sido necessários, se a seguradora do condomínio tivesse, como era sua obrigação, pago na época devida, o valor do seguro – 100 mil reais. Esse valor só foi pago pela AGF dois anos após o acidente e mediante uma árdua batalha judicial. O dia em que nossos direitos forem respeitados sem que precisemos recorrer à nossa lenta justiça, muito sofrimento poderá ser evitado.

Nenhum comentário

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails